Loading...

domingo, 30 de outubro de 2011

APRENDA A TORNAR FÁCIL O SEU TRABALHO


Percebi que a maior parte de meus alunos do Yoga, Pilates e Meditação tem enfrentado grande estresse na vida profissional. Então resolvi colocar aqui algumas dicas que obtive em um curso de auto-aperfeiçoamento.

1 - Deixe de lado a idéia de que é Atlas e pare de tentar carregar o mundo nas costas. O mundo andaria mesmo sem VOCÊ. Não se leve tão a séria e lembre-se ninguém é insubstituível.

2-Esforce-se para gostar de seu trabalho e ver o aspecto positivo no que faz. Nem sempre precisamos mudar de trabalho para sermos mais felizes, mas sim mudar uma perspectiviva que temos sobre nosso trabalho.

3- Planeje seu trabalho para hoje e para cada dia, depois realize seu plano. Falta de método produz aquela sensação de atolamento ou de inércia.

4- Um passo de cada vez é mais eficaz do que saltos perigosos e impulsivos. Assim, um passo firme e à velocidade constante conduz, com maior eficiência, do ponto de partida ao destino.

5- Desenvolva um pensamento positivo, construtivo e de facilidade em relação ao seu trabalho. Pense que tudo é fácil, positivo e construtivo e as coisas se encaminharão dessa maneira.

6- Estude mais a respeito do seu próprio trabalho. Nunca pare de estudar! Descubra a forma mais correta de fazer as coisas. A forma correta encontra menos resistência e traz mais resultados.

7- Exercite manter-se repousado quanto a seu trabalho. Torne a lembrar a si próprio que "Calma sempre resolve". Não se apresse ou se estafe. Trabalhe de acordo com seu passo. Uma das maneiras de fazer isso é repetir uma fórmula de trabalho como a seguinte: "Posso dar conta deste trabalho. Conheço esse material ou esse negócio. Estou bem informado no que a ele se refere, e sou competente para com ele tratar; portanto não terei medo ou nervosismo a respeito. Além disso, Deus está comigo, para me ajudar.

8- Discipline-se, e não deixe para amanhã o que pode fazer hoje. As acumulações fazem o trabalho mais duro do que realmente poderia ser. Não arraste as cargas de ontem com você. Mantenha seu trabalho dentro do programa. Gaste um minuto, AGORA, fazendo uma lista das coisas que tem de realizar hoje, amanhã e depois de amanhã. Isso, imediatamente, aliviará a carga de hoje, pois, de hábito, não há necessidade de fazer tanto já agora, como, tomado de nervosismo você imagina. Apanhando sua mente a ideia de que você tem muito que fazer, ela imediatamente aceita pensamentos cansados, sua energia abate-se, e a tarefa torna-se pesada e árdua.

9- Faça uma prece antes de iniciar seu dia de trabalho. Peça proteção, auxílio e inspiração.

10 - Leve seu sócio invisível com você. É surpreendente o volume da carga que Ele retirá de seu ombros. Deus está presente em todos os lugares. O auxílio das forças superiores tornará fácil o trabalho que cabe a você.

Fonte: Mensagens Para a Vida Diária de Normam Vincent Peale.

sábado, 29 de outubro de 2011

Alimentação e Atividade Física

  
As informações abaixo foram extraídas do livro: nutrição e dietética de Eliane Bassoul, Paulo Bruno e Sônia Kritz, publicado pela Editora SENAC. Eu apenas as organizei parafraseei para um trabalho de Educação Física.
As biomoléculas ou moléculas orgânicas constituídas em sua grande parte por CHON (Carbono, hidrogênio, Oxigênio e Nitrogênio) proporcionam as condições básicas para a vida. Assim, de um modo geral, os carboidratos e os lipídios fornecem energia, enquanto as proteínas contribuem para manter a estrutura do organismo e a regular as funções metabólicas.
Há muitos anos, tem crescido a conscientização, por parte dos atletas e praticantes de atividade física, dos benefícios que a nutrição adequada proporciona quando associada a um programa de treinamento esportivo. Isso se deve em parte a compreensão da funcionalidade das biomoléculas.
A alimentação adequada é muito importante para quem pratica atividade física, pois:
  • ·         proporciona a manutenção da saúde;
  • ·         preserva a composição corporal (músculos, gordura, água) em proporções adequadas;
  • ·         aumenta a resistência ao exercício, retardando a fadiga e melhorando o desempenho.
  • ·         auxilia na recuperação adequada de eventuais lesões causadas pelo exercício.
Os glicídios, protídeos e lipídios fornecem energia sob a forma de calorias. Durante o exercício, grande parte da energia fornecida por esses três nutrientes se destina ao trabalho muscular. Nas atividades intensas de curta duração, os glicídios são a fonte prioritária de energia. Na medida em que a atividade se prolonga e o esforço diminui, os lipídios passam a assumir um papel de maior relevância para produzir energia. Finalmente, quando ocorre a redução da energia armazenada sob a forma de glicogênio nos músculos, as proteínas passam a ser utilizadas.
Andréa Elaine Sechini

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Pilates para adolescentes




Foto: ClubedoPilates
Pilates é altamente recomendado aos adolescentes por estarem atravessando um período de crescimento rápido e intenso o que ocasiona desajustes posturais e desequilíbrios musculares que freqüentemente são acompanhados de dores musculares.
A postura envolve uma relação dinâmica na qual as partes do corpo, principalmente os músculos esqueléticos se adaptam em respostas a estímulos recebidos.
Muitas alterações posturais, em especial aquelas relacionadas com a coluna vertebral, têm sua origem no período de crescimento e desenvolvimento corporais, ou seja, na infância e na adolescência.
Durante essa fase, as pessoas estão sujeitas à situações de riscos para a coluna, principalmente aqueles relacionados a utilização de mochilas e a postura sentada (para assistir televisão e utilizar o computador, por exemplo).
A prática do Pilates neste período exerce um excelente papel preventivo, estruturando a postura, estabilizando as curvas fisiológicas da coluna, evitando escolioses e cifoses muito comuns nesta idade.

Imagem: Internet
Além disso, na medida em que melhora o alongamento e a força muscular de forma geral, aumenta a consciência corporal e com isso auto-estima do jovem que pratica Pilates.
Tais ganhos deixam o adolescente mais preparado para enfrentar os desafios característicos desta etapa da vida com mais equilíbrio e menos dores.
fonte: Clube Pilates
fonte: Revista Pilates

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Jornal Hoje Reportagem sobre Pilates

Achei bacana o que o professor inglês comentou sobre a tendência das mulheres brasileiras a acentuarem o arco lombar. Realmente é algo que sempre observei na prática.
Um abraço a todos vocês!

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

O que é o método Pilates?


Foto: Pilates Studio Fit
Pilates é um método de alongamento e exercício físico, que se utiliza o peso do próprio corpo na sua execução. É uma técnica de reeducação do movimento, composto por exercícios profundamente alicerçados na anatomia humana, capaz de restabelecer e aumentar a flexibilidade e força muscular, melhorar a respiração, corrigir a postura e prevenir lesões.
Entre as inúmeras vantagens, são de destacar o aumento da flexibilidade, a ativação dos músculos do tronco e a melhoria da estabilidade pélvica e lombar, o que contribui para uma melhor postura, sem dores nas costas.
Porque devo praticar?
O objetivo é atingir um corpo forte e alinhado. Estabilizar a zona core é o ponto fulcral de Pilates. Essencialmente, significa criar um círculo de músculos em volta do centro do corpo, estes músculos são fundamentais para a saúde de todo o corpo. Fortalecendo estes músculos, protegendo a coluna e ao mesmo tempo permitir uma liberdade de movimentos e habilidade de controlar a parte superior e inferior do corpo.
Como surgiu?
Joseph Pilates era uma criança frágil, sofria de asma e de uma febre reumática que lhe deixou algumas sequelas no seu desenvolvimento. Seguindo a tradição da sua família, cujos hábitos saudáveis o influenciaram para sempre, Pilates resolve trabalhar incessantemente na procura de equilíbrio, forma física e bem-estar, aos quais dedica toda à sua vida, pesquisando e criando um método próprio ao qual chama “Contrologia”.
Ao trabalhar numa enfermaria durante a 1ª Guerra Mundial, aplica molas e resistências nas camas dos pacientes, permitindo-lhes recuperar mobilidade e força durante a sua hospitalização. Esta capacidade inventiva, aliada a uma constante procura revela-se ainda mais quando, já em Nova Iorque e casado com Clara Pilates, abre o seu Estúdio, equipado com aparelhos imaginados, criados e desenvolvidos por ele próprio, e hoje utilizados em todo o mundo por uma comunidade imensa de praticantes do seu Método.
Em 1945 é editado o seu livro “Return to Live Through Contrology”, onde Joseph Pilates apresenta o seus conceitos teóricos e os seus célebres 34 exercícios efectuados no colchão. Passaram já mais de 60 anos e agora, mais do que nunca podemos entender o legado fabuloso que este homem extraordinário nos deixou.
Quais os benefícios?
Praticando Pilates, você irá sentir-se melhor, melhorar sua postura, a coordenação, ganhar amplitude de movimentos e ter maior tonicidade muscular.
Em cada estúdio o aluno é considerado único: depois de uma avaliação, os exercícios são dirigidos às necessidades específicas desse aluno, para criar um corpo harmonioso e com grupos musculares bem equilibrados. A coluna bem alinhada e alongada, faz com que algumas pessoas afirmem que ficaram até mais altas. Ao trabalhar os músculos posturais e do centro do corpo, a postura irá melhorar significativamente, ajudando-o nas suas atividades diárias: as horas em frente ao computador, tratar dos filhos ou netos pequenos, carregar as compras do supermercado.
Uma enorme porcentagem dos alunos afirma também que o trabalho calmo e objetivo sobre o corpo lhes proporciona um maior equilíbrio emocional. Vai conseguir um abdome tonificado, melhor postura, articulações mais flexíveis, melhor coordenação e equilíbrio emocional.
Notam-se resultados em quanto tempo?
Cada sessão dura uma hora. Praticá-lo três vezes por semana é o ideal mas, com apenas duas sessões por semana já se verificam mudanças. Os resultados fisioterapêuticos notam-se muito precocemente (em cerca de três sessões). E os benefícios estéticos (corpo forte e tonificado) notam-se entre as sessões 30 e 40.
Resultados
- Melhora a força, a flexibilidade e o tônus muscular. Reduz a fadiga.
- Fortalece os músculos sem causar dor nem danificar as articulações.
- Melhora a postura, a coordenação e o equilíbrio.
- Melhora a respiração, auto-estima e reduz o stress.

Fonte:Guia-Fitness
Fonte: Revista Pilates

Pilates no controle da ansiedade



Imagem: Internet

Acordar cedo, deixar os filhos na escola e ir trabalhar. No horário de almoço, apenas um quarto é reservado para a refeição. O restante é separado para resolver os assuntos mais urgentes, que não podem esperar até o fim do expediente. Depois mais trabalho que geralmente se torna estressante devido à sobrecarga de responsabilidades. De volta em casa, uma leve pausa para o jantar e, como se não bastasse, os problemas domésticos para solucionar, sem falar daqueles que levam trabalho pra casa.
É uma rotina dessas que muitos profissionais precisam enfrentar todos os dias e o que menos fazem é cuidar da própria saúde. A consequência é pouca ou quase nenhuma qualidade de vida. Muitas pessoas já sofrem com as chamadas “doenças da modernidade”. A ansiedade, por exemplo, é um motivo suficiente para se recorrer a um bom médico. E não estranhe se entre um remédio e outro, ele recomendar a prática do Pilates.
A ansiedade é uma sensação ou sentimento decorrente da excessiva excitação do Sistema Nervoso Central consequente à interpretação de uma situação de perigo. Por vezes a pessoa que sofre de ansiedade, sente uma necessidade de estar sempre à fazer coisas de forma a fugir do seu estado emocional para que se sinta melhor.
Desta forma a pessoa que passa muito tempo num estado de ansiedade acaba interrompendo a respiração como uma forma de defesa contra o medo de uma punição ou situação de perigo, ocasionando um bloqueio no músculo diafragmático. Um diafragma inibido, que não funciona bem, pode causar diversos distúrbios no nosso organismo, como: dores de cabeça, problemas gastrointestinais, dores nas costas e até mesmo um aumento na ansiedade.
Uma respiração otimizada, mobiliza a coluna vertebral na região do tórax, que provoca a mobilização do sistema nervoso autônomo que, dentre outras tantas atividades é responsável pela digestão, reprodução, sono e relaxamento.
O Pilates aperfeiçoa a rerspiração e potencializa a capacidade respiratória. Em todos os exercícios a respiração é enfatizada como instrumento para atingir a qualidade na execução dos movimentos. O contrário também acontece, pois os movimentos adequados com a região do tronco estimulam e ampliam a entrada e saída de ar nos pulmões. O Pilates exerce muitos benefícios em pessoas ansiosas por modificar a capacidade respiratória. Se o indivíduo ansioso é capaz de aprender a expirar, podemos até certo ponto, modificar sua condição energética diafragmática, onde a ansiedade está contida.
O Pilates mobiliza a musculatura dessa região e na medida em que respiração é solicitada durante a execução dos exercícios, tornando-se um ato voluntário e consciente. Somente a prática irá validar a relevância do trabalho interdisciplinar entre o instrutor de Pilates e psicólogo corporal no indivíduo ansioso.

Fonte: Clubedopilates
Fonte: Revista Pilates

domingo, 9 de outubro de 2011

Depoimentos Outubro 2011- Dores nos quadris

"Nunca imaginei que poderia um dia não sentir mais as dores que tinha nos quadris. Convivi com elas por anos, tomei meses de medicação, meu médico até cogitou cirurgia. Foi no Pilates Studio, com a Andréa que comecei a sentir melhora, e hoje me considerado praticamente curado"


Felipe Seiki

MOVIMENTO HUMANO

Segundo o Referencial Curricular Nacional (Brasil, 1998a, p.15)


"O movimento humano, portanto, é mais do que um simples deslocamento do corpo no espaço: constitui-se em uma linguagem que permite às crianças agirem sobre o ambiente humano, mobilizando as pessoas por meio de seu teor expressivo"

sábado, 1 de outubro de 2011

Dicas de Viver

"Tenha sempre uma boa noção de para onde quer ir, para não chegar a um local que não pretendia.Contudo saiba aproveitar bem os desvios no roteiro"
Andréa Elaine Sechini