Loading...

sexta-feira, 14 de junho de 2013

Gravidade e Postura

A manutenção de posturas na escola, no trabalho, ou em casa por períodos prolongados fará com que surjam forças de reação nos tecidos, promovendo desde incômodos, alterações posturais e até lesões.

Cadeia Cinemática Aberta e Cadeia Cinemática Fechada

Na cadeia fechada, todos os segmentos se movem e são mais funcionais. Podemos citar o ato de sentar e levantar de uma cadeira. Esse tipo de movimento realiza, além do trabalho articular e muscular, uma ativação sensório-motora.

Na cadeira aberta, não são todos os segmentos que se movem e, embora os movimentos sejam utilizados nas atividades diárias, eles podem ser menos funcionais pelo menor número de articulações se movendo. Um exemplo disso seria levar um objeto à boa realizando o movimento do ombro, do cotovelo, do punho e da mão, e realizar o mesmo movimento mantendo o ombro imóvel e movimentando apenas o cotovelo, o punho e a mão.

A descrição de atividades realizadas em cadeia aberta e fechada é muito ampla. Podemos citar alguns exemplos nos quais as duas ocorrem simultaneamente, como quando subimos uma escada: no momento em que transferimos os pés de um degrau a outro, estamos em cadeia aberta, e quando apoiamos para nos impulsionar, estamos em cadeia fechada.

domingo, 2 de junho de 2013

Resuminho sobre os Planos e Eixos do Corpo Humano

Plano                                                                     Eixo                                  Divide o corpo em
FRONTAL                                         ANTEROPOSTERIOR                  parte anterior e posterior
movimentos de abdução e                     eixo Z
adução em relação a linha média
do corpo e inclinação lateral

MEDIANO                                        LATERAL- LATERAL                   lado direito e esquerdo
                                                           (SAGITAL)
movimentos de flexão e extensão      eixo X



HORIZONTAL OU                          LONGITUDINAL                            superior e inferior     
 TRANSVERSO
movimento de rotação interna
e externa para os membros
movimento de rotação direita e
esquerda para cabeça e tronco
supinação e pronação dos antebraços,
adução e abdução horizontal dos ombros
e quadris
abdução e adução para os pés.







Articulação diartodial e sinartodial

Em Anatomia, aprendemos que a articulação diartrodial (articulação sinovial) possui grande potencial de movimento, como, por exemplo, articulação do joelho; já a articulação sinartrodial (articulação fibrosa) é uma articulação limitada na característica de seu movimento, o seja, nela ocorre pouco ou nenhum movimento, como a articulação tibiofibular.

GALENO: PRIMEIRO MÉDICO DE EQUIPE

Galeno (131-201 d. C.), cidadão romano que cuidava dos gladiadores, possuía importantes conhecimentos sobre o movimento humano. Ele foi considerado o primeiro médico de equipe da história.
Foi Galeno quem estabeleceu a diferença entre nervos motores e sensitivos e entre músculos agonistas e antagonistas, como também descreveu termos que até hoje são utilizados, como por exemplo: articulação diartrodial e sinastrocial (RASCH; BURKE, 1987).

Aristóteles (384-322 a. C.) pai da Cinesiologia



O título de "pai da Cinesiologia" é dado a Aristóteles (384-322 a.C.), visto que este submeteu os músculos à análise geométrica  descrevendo suas funções em seus tratados pela primeira vez. 
Ele foi o primeiro a analisar e descrever o complexo processo da marcha. Suas exposições e seus conceitos foram percursores das leis do movimento, de Newton.  
Levando em conta a época em viveu, Aristóteles revelou um notável conhecimento sobre o papel do centro de gravidade e sobre as leis do movimento e da alavanca. 

Cinesiologia


O termo "Cinesiologia" é uma combinação entre dois verbos gregos: Kinein, que significa "mover", e Logos, que significa "estudar".
O estudo da Cinesiologia combina a Anatomia (ciência da estrutura do corpo na qual se estuda, macroscopicamente, a constituição e organização dos seres vivos) com Fisiologia (ciência da função do corpo). Assim, surgiu a Cinesiologia, que é a ciência dos movimentos do corpo (RASCH; BURKE, 1987; SMITH; WEISS; LEHMKUHL, 1997).

RESUMINDO: anatomia + fisiologia = cinesiologia