Loading...

segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Exercício e Sistema Auto Imune



“Tradicionalmente, o sistema imune é considerado um sistema de defesa.  No entanto, estudos da segunda metade do século passado demostraram uma grande interação entre este e o outros sistemas orgânicos. Essa interação ocorre graças à existência de receptores para citocinas em muitos tipos celulares e pelo fato  de células do sistema imune apresentarem receptores para hormônios e neurotrasmissores, sugerindo um papel deste também na regulação do metabolismo e da homeostase corpórea.


O sistema imune possui vários componentes celulares e humorais em diferentes compartimentos corporais e pode ser dividido, didaticamente, em dois ramos: inato e adaptativo. O sistema imune inato é composto de células fagocíticas como neutrófilos e macrófagos, além das células natural killer (NK), proteínas do sistema complemento e ofensinas constituindo a primeira linha de defesa contra agentes estranhos. Vários estudos sugerem que o sistema imune inato é muito influenciado pelo exercício físico, enquanto no adaptativo, composto por linfócitos e anticorpos, as alterações em função do exercício são mais discretas.”


Fonte: Exercício na saúde e na doença/coordenadores Mauro Vaisberg, Marco Túlio de Mello. - Barueri, SP: Manole, 2010

Nenhum comentário:

Postar um comentário