Loading...

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Compreende os conceitos de Origem e Inserção Muscular e Músculos Agonista e Antagonistas



PONTOS DE ORIGEM E INSERÇÃO
A fáscias que envolvem os músculos esqueléticos formam nas suas extremidades um tendão, forte e elástico. Cada tendão se fixa a um osso diferente; quando o músculo se contrai, um dos ossos permanece praticamente parado enquanto o outro se movimenta. Tradicionalmente, o ponto em que o tendão se fixa ao osso que permanece imóvel é chamado origem, e aquele em que o osso se move, inserção. O úmero, nos ombros, é o ponto de origem do músculo bíceps, e sua inserção é no antebraço, no osso rádio, logo abaixo da articulação do cotovelo.

AGONISTAS E ANTAGONISTAS
Pares ou grupos de músculos esqueléticos trabalham em conjunto para proporcionar um movimento bem coordenado. Quando um par de músculos trabalha junto, o músculo que iniciou o movimento é chamado de agonista, e o músculo que se opõe a ele, antagonista. Ao levantar o antebraço, o agonista é o bíceps, que contrai para elevar o antebraço. O antagonista é o tríceps, que relaxa. Para abaixar o antebraço, o oposto acontece: o tríceps contrai, sendo o agonista, e o bíceps relaxa, atuando como antagonista. Quando todo um grupo muscular trabalha em conjunto, aquele que inicia o movimento é chamado motor primário, e os demais músculos envolvidos nesta ação são denominados sinergistas.





Fonte: Dreas Reyneke
Pilates Moderno
Editora Manole.

Nenhum comentário:

Postar um comentário