Loading...

quinta-feira, 25 de maio de 2017

As emoções afetam nossa visão de mundo


"As emoções positivas nos dão uma perspectiva ampla das situações, isto é, nos dão clareza e confiança em nossos propósitos: onde estamos e para onde queremos ir. Elas nos trazem a sensação de felicidade, pois o sentido da vida torna-se energeticamente presente. As emoções negativas nos deixam descrentes e confusos quanto às nossas metas. Quando perdemos o significado da vida sentimos uma profunda tristeza."


"Na emoção destrutiva, sempre haverá uma lacuna entre o que parece é o que é."

Daniel Goleman em Como lidar com emoções destrutivas.


"Quando nossas opiniões estão contaminadas por uma emoção negativa, temos uma imagem distorcida das coisas e das pessoas, e ficamos impedidos de equilibrar suas qualidades positivas e negativas"


O livro das emoções

De Bel Cesar

Sem emoção, nada avança

"A palavra emoção vem do latim "emovere" que significa abalar, sacudir, deslocar.esta, por sua vez, deriva de movi, que significa literalmente: por em movimento, mover. Logo, emoção, antes de mais nada significa movimento. Portanto, não podemos perder de vista o fato de que sem emoção, nada avança"


O livro das emoções

De Bel Cesar


Sem emoção, nada avança

"A palavra emoção vem do latim "emovere" que significa abalar, sacudir, deslocar.esta, por sua vez, deriva de movi, que significa literalmente: por em movimento, mover. Logo, emoção, antes de mais nada significa movimento. Portanto, não podemos perder de vista o fato de que sem emoção, nada avança"


O livro das emoções

De Bel Cesar


terça-feira, 23 de maio de 2017

O mundo externo como reflexo interior

"Conforme crescemos, começamos a perceber que o modo como nos relacionamos com os outros reflete o tipo de relacionamento que temos conosco. "Se não sabemos como amar a nós mesmos, não temos condições de amar os outros", isto pode ser um velho clichê, mas contém uma grande verdade. Assim, compreendemos que, para nos relacionarmos com o mundo exterior, é necessário cuidar também de nosso mundo interior. Nossa inquietação interna nos afasta tanto dos outros quanto de nós mesmos. A autoestima, ao contrário, gera um sentimento de segurança e paz interior."

O livro das emoções de Bel Cesar

quinta-feira, 11 de maio de 2017

Hábitos solitários e a saúde mental

“Hábitos solitários são bons para a saúde mental. Embora haja com frequência uma grande ênfase na importância das nossas habilidades sociais, as evidências sugerem que aptidões solitárias podem ser igualmente importantes para a saúde e o bem-estar. A capacidade de tolerar o tempo sozinho parece estar ligada ao aumento da felicidade e da satisfação com a vida e a uma melhora da gestão do estresse. Pessoas que gostam de ficar sozinhas também são menos depressivas.”

Trecho de: Morin, Amy. “13 coisas que as pessoas mentalmente fortes não fazem.” Sextante, 2015

domingo, 7 de maio de 2017

O que eu faço com o que me acontece?



“Os eventos que transformam nossas vidas costumam ser os que não escolheríamos. Como dizem, nunca queremos passar pelo que precisamos para nos tornar  o que queremos. Tristeza, doença, solidão, desespero...cada um de nós recebe sua cota disso. Toda perda leva a um processo de luto. Mas no final das contas, a questão é se a experiência deixa você mais forte ou o enfraquece.”


 Mattnews, Andrew. Felicidade em tempos difíceis; Rio de Janeiro: Sextante, 2011

sexta-feira, 5 de maio de 2017

A prática da coerência cardíaca

"Sente-se para começar. Enquanto inspira, visualize o ar entrando na área do coração (não o órgão coração, mas o coração do seu ser) e focalize a atenção aí. Ao mesmo tempo, segure um cristal junto ao chalés do coração. Imagine uma sensação de amor e deixe que ela gere calor e paz na área do peito. Isso diz ao cérebro emocional que está tudo bem e, assim, o sistema nervoso fica equilibrado. Relaxe enquanto inspira e expira, por uns vinte minutos. Observe o coração ficando cada vez mais em paz enquanto respira. Faça essa técnica diariamente, até conseguir relaxar fisicamente e ficar alerta mentalmente."
Fonte: O Livro da Medicina Tibetana de Ralph Quinlan Forde.

terça-feira, 2 de maio de 2017

O significado da mente

“A simples percepção do significado da mente abrange todo o conhecimento.

— Jamgön Kongtrul Lodrö Thaye, Outline of Essential Points, traduzido para o inglês por Maria Montenegro”

Trecho de: Yongey Mingyur Rinpoche. “Alegria de Viver.” Campus, 2014