Loading...

domingo, 9 de julho de 2017

Nossa sombra

“Em 1945, Jung referia-se à sombra como simplesmente aquela coisa que uma pessoa não queria ser. "Uma pessoa não se torna iluminada ao imaginar formas luminosas", afirmou, "mas sim ao tornar consciente a escuridão. Esse último procedimento, no entanto, é desagradável e, portanto, impopular.”

Trecho de: Connie Zweig e Jeremiah Abrams (Orgs.). “Ao Encontro da Sombra.” HomeUser. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário